DICAS DA ARGENTINA

Comprando vinhos baratos na Argentina

11.07.2022

0
0
0
0
0
0

Tempos atrás estive em Puerto Iguazu em busca de vinhos baratos. A Argentina é uma ótima opção para quem está em busca de bons vinhos em conta.

Uma dica que haviam nos dado era para ir na Vinhoteca que fica no fim da Feirinha de Puerto Iguazu. Nunca tinha estado naquela vinhoteca e fiquei encantada.

O nome dela é “Vinoteca de blanco a tinto” e ela fica localizada na Galerias All In. Essa galeria é tomada pela vinoteca, boa parte das salinhas são compostas pela própria vinoteca, com espaço para degustação, um espaço amplo para conhecer os mais variados tipos de vinhos com muitas garrafas expostas e pra botar banca conta ainda com um espaço gourmet que comporta eventos especiais.

Com tantas boas opções de vinhos argentinos, não é de admirar que a casa oferte uma variedade imensa de garrafas do próprio país. São muitas opções para escolher para todos os bolsos.

Nesta visita eu fui especificamente acompanhar meus pais que estavam levando uma amiga do sul para conhecer a Feirinha de Puerto Iguazu e também para comprar alguns vinhos.

Então aproveitei a oportunidade e gravei um tour pela loja para meu canal no youtube e vou traduzir deste vídeo algumas das coisas que pude ver por lá na loja.

 

Estrutura da Loja

Com certeza foi o que de imediato me impactou. A linda decoração e harmonização do ambiente com a temática das uvas, que é um convite para já saborear um vinho ali mesmo.

E sim, isso é possível. Tem vários espaços diferentes para que as pessoas possam já ali mesmo abrir uma garrafa e tomar um vinho. Os espaços são lindos e aconchegantes.

Além da excelente distribuição das salas para venda e exposição dos vinhos, áreas para degustação, área para eventos também, o espaço ainda dispõe de banheiros para os clientes.

A localização também é ótima como já mencionei, pois fica bem junto da feirinha, o que facilita bastante o acesso para os turistas. Transitar pelas ruas de Puerto Iguazu não é muito fácil pois elas são muito irregulares em termos de formatos (não tem aquela quadriculação padrão), tornando fácil se perder por lá.

 

 

Preços dos Vinhos

Os preços dos vinhos são muito convidativos. Encontramos uma grande variedade de preços e muitos bons vinhos com ótimos preços.

Os vendedores te ajudam bastante nas escolhas e fazem ótimas recomendações de acordo com o que está buscando em faixas de preços.

Além disso pude fazer posteriormente um comparativo de valores com alguns dos vinhos que encontramos ali e pude perceber bastante diferença entre algumas garrafas por ali e o Brasil.

Uma outra coisa muito boa é que tem a opção de pagamento por pix. Isso mesmo. Pix, pix mesmo. E não se preocupe caso não possua internet na Argentina pois você pode usar o wi-fi da loja para fazer o pagamento.

 

Comparando preços dos vinhos entre Brasil e Argentina

Eu já esperava encontrar vinhos baratos em Puerto Iguazu na Argentina mas confesso que depois comparando os valores do Brasil, fiquei pasma como os preços estavam melhores ainda do que minha expectativa.

Um dos vinhos que encontramos lá foi o Las Estelas, da Vinícula Mangato (Finca Mangato), cujo malbec tem classificação 4 estrelas e no Brasil você pode encontrar em casas de vinho por R$ 94,00 enquanto lá na Vinoteca de blanco a tinto estava saindo por R$ 42,00.

O Mantra também é um vinho argentino que vocês podem encontrar lá nas versões pinot noir, merlot, entre outras versões e é da Patagônia argentina. O vinho mantra pertence a Bodega Secreto Patagônico, uma empresa familiar relativamente nova, de 2000.

O Mantra Pinot Noir é envelhecido em barricas francesas de 3 a 6 meses, com barricas por gravidade com cachos inteiros, maceração a frio e engorda manual.

E veja bem, eles costumam ser vendidos pelo dobro do preço no Brasil. Na Vinoteca de blanco a tinto o Mantra malbec estava saindo por R$ 25,00 apenas.

 

Mas uma das maiores loucuras foi a diferença de preço que encontramos no Jijiji, o Gen del Alma JiJiJi que tem um blend de uvas, com malbec e pint noir (meio a meio).

Esse vinho custa mais de R$ 100,00 no Brasil (encontrei valores que iam de 122 a 154 reais) enquanto pagamos R$ 20,00 numa safra 2017.

Esse vinho é vinificado em tanques de concreto revestido em epóxi, sofrendo então uma maceração carbônica e estagiando depois 4 meses em garrafa antes do lançamento. Os aromas são vibrantes, cereja, amora, violetas e maçã caramelada estão presentes.

Outro vinho que encontramos lá com uma diferença legal de preço foi o Norton Doc malbec.

A Bodega Norton possui 5 vinhedos espalhados pela província de Mendoza, próxima da cordilheira dos Andes, e além da excelente qualidade das uvas há uma especial característica na idade de suas videiras que também influencia na qualidade dos seus vinhos.

Enquanto a idade média das videiras está em torno dos 30 anos, o que já é por si só um fato e tanto, há ainda uma parte especial de cultivo cujas videiras já chegaram aos 80 anos de idade. E é como dizem do vinho, o amadurecimento faz parte do primor.

No caso do vinho Norton D.O.C. os seus frutos vermelhos maduros, em especial ameixas maduras, se misturam com pimenta preta e especiarias. Após a vinificação, 50 % do vinho amadurece em barris de carvalho francês por 12 meses e depois descansa na garrafa por mais 12 meses para só então ser distribuído.

No Brasil você encontra uma garrafa desta por R$ 53,00 enquanto na Vinoteca de blanco a tinto em Puerto Iguazu encontramos por apenas R$ 19,00. Muita economia.

Uma outra ótima pedida é optar pelo Los Haroldos. Encontramos por exemplo o Los Haroldos Reserva Cabernet Sauvignon que saia lá por R$ 25,00 e que no Brasil pode chegar a R$ 85,00.

Uma grande diferença de valores !

O Los Haroldos Cabernet Sauvignon vem da região de Maipú na Argentina e também vem de vinhedos bastante antigos. Seus vinhedos chegam a 100 anos de idade. Ele fica 10 meses descansando em barris de carvalho. É um vinho aromático intenso com toque de baunilha, tabaco e café.

 

 

Também encontramos opções da Trivento que é uma vinícula que costuma exportar muito para a Europa. Encontramos lá um Trivento Cabernet Sauvignon por apenas R$ 20,00 que no Brasil costuma sair por R$ 65,00.

Mas uma ótima pedida mesmo foi encontrar várias opções Luigi Bosca. Chegamos a trazer algumas garrafas, em especial o Malbec, que estava apenas R$ 45,00 e no Brasil chega a custar R$ 190,00 nas lojas especializadas.

Esse malbec fica 12 meses em barris de carvalho francês, é encorpado e intenso. Tem aromas de ameixa madura, especiarias, frutas vermelhas ácidas e menta.

Esse foi alguns dos vinhos que encontramos por lá.

Para você conhecer mais da vinhoteca de blanco a tinto eu fiz um tour pela loja para o youtube, mostrando um pouco dos vinhos argentinos e preços dos vinhos em Puerto Iguazu.

Em breve pretendo voltar e mostrar mais dicas de vinhos baratos na Argentina, onde encontrar bons vinhos e bons preços. E claro, lembrando que estamos ali pertinho da Feirinha de Puerto Iguazu na Argentina, portanto vale muito a pena dar aquela esticadinha e aproveitar para comprar azeitonas e comer empanadas e tomar uma boa quilmes após as compras.

 

 

Deixe um comentário

Paty Martinez no Youtube

Carregando...